HEADER SITE - VIAJANTE INVETERADO

Cape Peninsula: Passeio ao Cabo da Boa Esperança

  • 3/04/2018
  • 0 comentários
  • Por: Guilherme Goss De Paula

Fala, viajante! Você que está planejando visitar a Cidade do Cabo certamente vai querer conhecer o Cabo da Boa Esperança. Uma das melhores formas de fazer isso curtindo todo o trajeto, sem se preocupar com a mão inglesa, é fazendo um tour em português.




CAPE PENINSULA: PASSEIO AO CABO DA BOA ESPERANÇA

Eram cerca de 8h da manhã quando a van da Planeta África passou no hostel para nos pegar. O dia estava lindo e nós estávamos empolgados pra ver uma série de atrativos.

Reserve aqui seu hotel ou hostel na Cidade do Cabo

Bantry Bay, Clifton e Camps Bay

Deixamos a região de Green Point, onde estávamos hospedados, e passamos por Bantry Bay e Clifton até fazermos nossa primeira parada em Maiden’s Cove, um lindo mirante com vista para Camps Bay. Essa região é muito bonita, cara e repleta de mansões e apartamentos luxuosos.

Ao fundo de Camps Bay fica uma imponente cadeia de montanhas chamada Doze Apóstolos. A praia possui barzinhos badalados e é um dos lugares mais bacanas pra curtir o pôr do sol.

Llandudno

Mais adiante passamos por Llandudno, outro bairro chique e muito frequentado pelas celebridades.

Hout Bay / Seal Island (Ilha das Focas)

A próxima parada foi em Hout Bay. Lá tomamos um barco para Seal Island, a ilha das focas, por R 90. O passeio dura 45 minutos e é guiado em inglês. O barco chega bem próximo das focas e é uma experiência interessante, apesar do mau cheiro dos bichinhos.

Depois do passeio, reserve alguns minutos para visitar a feirinha e fazer umas comprinhas. Os preços são ótimos – mas não esqueça de pechinchar bastante.

hout bay seal island

Reserve aqui seu hotel ou hostel na Cidade do Cabo

Chapman’s Peak

Chapman’s Peak parece cenário do Coyote x Papa-Léguas. Possui um mirante com vistas incríveis de Hout Bay e Seal Island e, do outro lado, o caminho sinuoso da estrada entre a montanha e mar.

Noordhoek

Continuamos pela Chapman’s Peak Drive, uma rodovia cênica lindíssima e chegamos a Noordhoek, com sua praia absurdamente extensa.

noordhoek

Avestruzes

Pela estrada é possível avistar várias fazendas de avestruzes e dar uma paradinha para fotos. Comerciantes também fazem suas paradas estratégicas ao longo desse trecho da rodovia para vender os ovos de avestruzes pintados.

Reserve aqui seu hotel ou hostel na Cidade do Cabo

Reserva Natural do Cabo da Boa Esperança

A entrada na reserva custa R 145 por pessoa. O local é imenso e abriga uma grande variedade de animais que vivem livremente. Durante nossa visita avistamos babuínos e avestruzes.

Continuamos para fotografar a disputada placa que marca o Cabo da Boa Esperança. Primeiramente chamado de Cabo das Tormentas, pelo navegador Bartolomeu Dias em 1488, o local passou a ser chamado de Boa Esperança pela descoberta de que ao dobrá-lo, o caminho levaria às índias.

cabo da boa esperança

Cape Point

Para chegar ao farol há duas maneiras: a pé ou de funicular. Nós escolhemos subir de funicular e descer a pé para ter as duas experiências sem cansar demais, neste caso o bilhete custa R 55 por pessoa. A opção ida e volta de funicular custa R 70.

Lembrando que o funicular vai até certo ponto e ainda será preciso subir alguns lances de escadas. Lá no alto o vento forte é constante e quem vai tirar fotos com o celular é preciso ter precaução. As paisagens à volta são espetaculares e fazem valer a visita.

cape point

Boulders Beach

Chegamos a dois grandes momentos do passeio: o almoço e a praia dos pinguins! Desembarcamos em frente ao restaurante de frutos do mar Seaforth. Sentamos em uma agradável mesa na varanda e, enquanto escolhíamos o pedido, dividíamos os olhares entre o cardápio e a bela e pequena baía onde pinguins nadavam tranquilamente.

Decidimos por um prato de massa com frutos do mar (seafood pasta) que custou R 150 e o chope Castle R 36. Quando o prato chegou a surpresa foi ótima. Além do visual (era de comer com os olhos), a porção era generosíssima, muito maior do que podíamos esperar. No fim das contas, pedimos mais um chopinho e a conta ficou R 200 pra cada (incluindo gorjetas). Um preço ótimo levando em consideração a qualidade e a quantidade servida.

seaforth sea food pasta

Satisfeitos, caminhamos até a entrada de Boulders Beach para apreciar mais pinguins. Paga-se R 75 para entrar. A colônia possui cerca de dois mil integrantes que não parecem se importar com a presença humana. É proibido alimentá-los ou tocá-los e, obviamente, é preciso respeitar os limites da passarela.

boulders beach

Simon’s Town

Deixamos a praia dos pinguins e pudemos ver um pouquinho do centro de Simon’s Town. A cidade é uma graça e se você tiver tempo para visitá-la com calma pode ser uma ótima pedida.

Reserve aqui seu hotel ou hostel na Cidade do Cabo

Muizemberg

Este é outro local que vale uma visita se você tiver tempo. As famosas casinhas coloridas na praia rendem boas fotos e a cidadezinha parece ser muito agradável. Além disso a praia é famosa pela prática de surfe e também pela frequente visita de tubarões, já que é banhada pela False Bay.

[Outras opções] Constantia e Kirstenbosch

Nosso passeio foi o tempo todo margeando a costa mas uma alternativa é fazer parte do passeio por dentro. Nessa outra opção, é possível visitar Constantia (uma conhecida região vinícola) e o Jardim Botânico de Kirstenbosch (que também conta com concertos musicais durante o verão).

Apesar do passeio tomar um dia inteiro, não foi nem cansativo e nem entediante. Como eu descrevi acima, há muitas paradas e os todas elas são bem interessantes. Recomendadíssimo!

Leia também o roteiro completo da minha viagem à Cidade do Cabo


O passeio Cape Peninsula – dia inteiro – em português pode ser feito com a Planeta África. O passeio dura cerca de  horas e está disponível. Para maiores informações entre em contato conosco.


Viajante Inveterado realizou o passeio Cape Peninsula com apoio da Planeta África. A descrição e avaliação do passeio neste post refletem a real experiência e opinião do autor.


É isso aí, viajante! Antes de ir para outro post, deixe seu comentário, dúvida, dica, crítica, sugestão ao final da página. Responderemos com o maior prazer!


↓ Salve esse Pin e siga também nosso Pinterest

cabo da boa esperança


 

Para a sua viagem

Reserve seu hotel pelo Booking.com
Alugue seu carro pela Rentcars
Compre seu chip internacional Mysimtravel
Viaje sempre protegido com Intermac Seguros
Evite filas comprando antecipadamente seus ingressos e passeios pelo Viator
Solicite uma ajuda profissional para sua viagem! Entre em contato com a Reisen Turismo!

Ao utilizar esses links, você ajuda o blog a crescer sem pagar nada a mais por isso!





Booking.com





Guilherme Goss De Paula

Nascido em Tupã, no interior de São Paulo, sua primeira experiência internacional foi um intercâmbio na Alemanha - onde despertou seu interesse por conhecer o mundo. Trabalhou com turismo nos EUA, no Amazonas e em Santa Catarina. Graduou-se em Turismo e Hotelaria e abriu sua própria agência de viagens. Sempre em busca de novos destinos, acumula passagens por mais de 60 países. Como escritor-viajante, já participou de diversas edições dos guias O Viajante, além de ser colaborador voluntário dos sites TripAdvisor e Mochileiros.com. Sua melhor viagem é sempre a próxima!


Deixe uma resposta

Inline
Inline